Brainstorming

O Brainstorming é uma ferramenta popular para ajudar a gerar soluções criativas para problemas. É utilizado para desenvolver novas perspectivas.

Foi desenvolvida em 1950 por Alex Orborn, um executivo da Madison Avenue. Desde então, diversas melhorias foram implementadas criando o conceito do “Brainstorming 2.0”.

images

A ferramenta

O Brainstorming combina uma forma informal de resolução de problemas e pensamento lateral. Prega que as pessoas devem dar o máximo de ídeias possíveis não importando o quão louca elas pareçam para que depois elas sejam “lapidadas” em soluções originais e criativas. Incentiva as pessoas a pensar fora da caixa (“think out of the box”).

Durante uma sessão de brainstorming não pode existir crítica em relação às idéias para não inibir o pensamento criativo. Jugamentos e análises devem ser deixados para outro momento do processo.

Exemplo

O mais famoso exemplo de utilização de brainstorming é a solução encontrada por uma cidade para incentivar seus habitantes a utilizar mais as lixeiras ao invés de descartar o lixo nas ruas. Após alguém sugerir a “absurda” idéia das latas de lixo pagarem uma recompensa pela utilização, essa idéia foi convertida num sistema que contava uma piada quando alguém jogava lixo. As pessoas se divertiam tanto com as latas que passaram a utilizá-la sempre.

Inside an Old Pasadena Trash Can

Conclusão

O brainstorming é uma ferramenta para ser utilizada em grupos. Apesar de existirem conceitos e estudos sobre o self-brainstorming, na prática ele não é funcional porque as pessoas tendem a bloquear e criticar suas idéias absurdas.

É ideal ter pessoas de diversas áreas de atuação e disciplinas num mesmo grupo para prover a diversidade de idéias e quebra de paradigmas.

Comente!